Arquivo de Tag | pesto

Mini penne ao pesto de manjericão

Mini penne ao pesto de manjericão

Mini penne ao pesto de manjericão

Final de semana me deu vontade de comer uma massinha ao molho “pesto”. Este molho é originário do norte da Itália, tradicionalmente preparado com manjericão fresco, alho, sal grosso, queijo parmesão ou pecorino ralado, pinoli (semente retirada de um tipo de pinheiro, parecida com a amêndoa, só que menorzinha) e azeite, muito azeite.

Na Itália, costumam comer a massa pura, como “primo piatto”. Mas eu costumo preparar esta massa quando preciso de um acompanhamento para um rosbife ou um filé de porco assado. Esta segunda opção foi nosso cardápio do último sábado: filé de porco assado com mini penne ao molho pesto e batatas calabresas douradas. Simples de preparar e saborosíssimo.

Ingredientes para o molho pesto de manjericão

Ingredientes para o molho pesto de manjericão

Segue receita do molho pesto, super versátil, que eu utilizo, inclusive, como um dos molhos de fondue de carne. Você pode misturá-lo à penne, ou qualquer outra massa de grano duro, como espaguete, fettuccine, fusilli…

Molho Pesto

1 pacote de massa de grano duro (mini penne)

1 maço de manjericão fresco, lavado e desfolhado

5 dentes de alho grosseiramente picado

50g de queijo parmesão ralado (ou pecorino)

1 colher sobremesa rasa de sal grosso (ou a gosto)

50g de pinoli (como eu não tinha, usei nozes, rsrsrs)

200 ml de azeite (mais ou menos, pois vc pode deixar ele mais liquido ou mais encorpado, dependendo do seu gosto. Para massas, costumo deixar ele mais líquido)

No liquidificador, vão todos os ingredientes

No liquidificador, vão todos os ingredientes

Modo de preparo:

1) Colocar todos os ingredientes no liquidificador, com metade da quantidade de azeite. Bater na velocidade baixa, ou pulsar, e acrescentar aos poucos o restante do azeite, deixando o molho da consistência que você desejar. Eu não deixo bater demais, para que o molho fique um pouco granulado.

2) Cozinhe a massa “al dente”, escorra e misture logo com o molho (que está na temperatura ambiente) e sirva imediatamente.

Obs: Neste momento já devem estar prontas a carne assada e as batatas, para que sejam servidas todas na mesma hora.

Viu como é fácil??!! Você não gastará mais do que 10 min para preparar essa massinha deliciosa!

Molho pesto de manjericão

Molho pesto de manjericão

Mas então… para compor o prato, fiz as batatas calabresas cozidas e depois fritei-as na manteiga com queijo parmesão ralado e alecrim seco. Você pode descascá-las, mas eu prefiro com as cascas, acho que ficam mais saborosas, além de mais nutritivas.

Batatas calabresas fritas na manteiga, alecrim e queijo parmesão

Batatas calabresas fritas na manteiga, alecrim e queijo parmesão

Preparei também um filé de porco (temperado com antecedência), assado numa panela com tampa, dourando aos poucos e acrescentando água para não ressecar, até o ponto ideal. Abaixo você pode ver como o prato fica colorido e apetitoso. Ninguém resiste!! 😛

Filé de porco assado, batatas calabresas e penne ao pesto

Filé de porco assado, batatas calabresas e penne ao pesto

 

 

Polvo delicioso de verão

Não pensem que desisti do blog. Muito menos de cozinhar ou de explorar restaurantes por aí afora. A questão é que tirei umas “férias do computador”, bem merecidas, e me ausentei por quase dois meses. Aproveitei pra fazer turismo pelo Rio de Janeiro mesmo, com uma amiga que veio de Recife e depois com meus irmãos que vieram passar o reveillon aqui. Não tive muito tempo de cozinhar em dezembro, mas continuei explorando algumas comidinhas aqui e ali e lendo todas as publicações de gastronomia disponíveis nas bancas. Estou aliás me viciando nisso. São mais de 10 revistas por mês… Por isso, já comecei 2013 com a criatividade em alta. Preparei um polvo grelhado, com um risoto leve e colorido, combinando com o verão. E  harmonizado com um achado: um vinho rosé californiano, de uva Zinfandel.

Vinho rosé californiano, próprio para o verão

Vinho rosé californiano, próprio para o verão

Em falar em uva, concluí em dezembro o “Curso Aprofundado de Degustação”, do Euclides Penedo Borges, na ABS-RJ. Valeu muuuuito a pena, pois tive chance de experimentar vinhos que não conseguiria normalmente, pois são caríssimos. E aprendi um pouquinho mais sobre as diversas variedades de uvas (tintas e brancas) e seus sabores intrínsecos.

Outra novidade é que compramos mais uma adega e agora tenho espaço para 70 vinhos. Separei uma adega para vinhos do dia-a-dia, outra para vinhos do Velho Mundo, outra para o Novo Mundo e uma última para os brancos, rosés e espumantes. Nada como começar o ano com tudo organizado. Fiz até um “menu”, para quando eu quiser escolher um vinho não precisar ficar abrindo as portas das adegas e puxando todas as gavetas feito uma louca. Que venham mais vinhoooos!!

Polvo grelhado com risotto rosé de framboesa, com croutons ao pesto de manjericão

Ingredientes (para duas pessoas):
Para o polvo: 1 polvo grande de 1,2kg mais ou menos, limpo, 1 cebola, sal, pimenta do reino, um dente de alho picado, azeite pra grelhar.
Para o risotto: 1 xícara de chá de arroz arbóreo, ½ cebola picada, 1 dente alho picado, 1 tablete de caldo de legumes dissolvido em meio litro de água fervente, 2 colheres sopa de framboesa (comprei a fruta congelada), 1 pimenta dedo-de-moça, sal, pimenta, 50g de manteiga, 50g queijo parmesão ralado.
Para os croutons: 2 fatias de pão de forma sem as bordas, picadas em mini-cubos, ½ molho de manjericão, 1 dente de alho, 1 colher chá de queijo parmesão, sal, azeite qb.

Modo de preparo do polvo: Cozinhar o polvo na pressão, com a cebola cortada em 4 partes e um pouco de sal, por 10 min (depois que pegar a pressão). Separar os tentáculos e temperar com pimenta, sal e alho. Só grelhar próximo ao momento de servir, apenas para dar uma cor e uma crocância suave.

Tentáculos de polvo devem ser grelhados na hora

Tentáculos de polvo devem ser grelhados na hora

Modo de preparo do risotto: Bater o caldo de legumes com a framboesa no liquidificador, voltando o caldo para o fogo (ele deve estar quente ao ser colocado no risotto). Refogar o arroz com azeite, cebola e alho. Acrescenta o vinho rosé e mexer até secar. Vai acrescentando o caldo de legumes e framboesa aos poucos e mexendo sempre. Na metade do processo, acrescentar a pimenta bem picadinha, e colocar um pouquinho das sementes, se gostar de picância. Se precisar de mais líquido, acrescente água fervente, mas o arroz deve ficar al dente. No final, desligue o fogo e acrescente manteiga fria em pedacinhos e o queijo parmesão. Misture bem e sirva imediatamente.

Modo de preparo dos croutons: Fazer um pesto no mini-processador (ou liquidificador) com o manjericão, alho, queijo parmesão, sal e bastante azeite. Misture este molho ao pão já picado, deixando um restinho para decorar o prato. Asse os croutons em forno quente, tomando muito cuidado para não queimar! Prepare-os antes do ristotto.

IMG_1731-001

Arrumação do prato: Primeiro sirva uma porção do arroz, arrume os tentáculos ao lado do risotto, por cima os croutons, um ramo de manjericão e pequenas porções do molho pesto em volta. Veja a foto abaixo!!!!

Prometo que não demorarei tanto da próxima vez, estou com muitas receitas apetitosas!! Me aguardem!!

Polvo grelhado com risotto rosé de framboesa e croutons de pesto

Polvo grelhado com risotto rosé de framboesa e croutons de pesto