Riba

riba

Uma paradinha nos meus relatos de viagem, para eu não esquecer o assunto… O Riba é um barzinho bem carioca messssmo. Numa esquina nobre (Dias Ferreira com General Urquiza, no Leblon) e com aquele ar de botequim sem frescura, que te convida para um bate-papo entre amigos, te oferece um bom tira-gosto e uma cerveja gelada .

riba

Eu e Cláudio costumamos aproveitar sábados ou domingos de tempo bom para nos exercitarmos na orla da Zona Sul. Saímos de nossa casa em Botafogo e vamos para Copacabana de ônibus. De lá a gente segue a pé até o Leblon, perfazendo um total de 6 ou 7km, dependendo da meta final. Ontem, escolhi o Riba como nosso ponto de chegada. Saímos do Copacabana Palace. Total foi de 6,9km até lá. Eu já estava com as pernas bambas de tanta sede!! Ou talvez fosse uma crise de abstinência alcoólica, haha.

Caminhada que fizemos de Copa até o Leblon

Caminhada que fizemos de Copa até o Leblon

Primeira coisa, depois de tirar uma foto do bar enquanto estava vazio, foi pedir um chopp Stella. Experimentei também o chopp da casa: Riba Pilsen. Bem saboroso. Servido em copo tipo americano, com colarinho na medida certa.

Chopps Stella Artois e Riba Pilsen

Chopps Stella Artois e Riba Pilsen

O cardápio merece uma boa estudada, não porque tenha opções demais. Mas porque todas as opções são muuuito atraentes. Os sanduíches dão água na boca só de ler a descrição,  além dos pratos típicos de boteco, cervejas artesanais e mesmo as sobremesas…

Cardápio de sanduíches, cervejas artesanais e sobremesas do Riba

Cardápio de sanduíches, cervejas artesanais e sobremesas do Riba

Escolhemos o vencedor do prêmio “Rio Show de Gastronomia 2016” na categoria “melhor sanduíche” : Costela – sanduíche de costela bovina com broto de agrião, tomate confit, servido no pão de malte integral. Aliás, esse pão é uma delícia. Massa mais pesada, levemente crocante… hummmmm…. E os molhos são da casa, ambos apimentados, porém, um é “agridoce e suave”, o outro “indescritível e picante”. Eu preferi o mais picante, Claudinho preferiu o agridoce, mas ambos combinam muito bem com o sanduíche, que chega na mesa divido ao meio. Ficamos profundamente arrependidos de não termos pedido dois sanduíches diferentes, assim trocaríamos nossa outra metade!

Sanduíche vencedor do prêmio Rio Show de Gastronomia 2016

Sanduíche vencedor do prêmio Rio Show de Gastronomia 2016

Já que eu tinha enfiado mesmo o pé na jaca comendo um sanduíche desses inteirinho, resolvi que deveríamos pedir uma sobremesa que havia me chamado a atenção. Porque no cardápio estava escrito “não é um Petit Gateu não é um Brownie: éff…”. Eu tinha que descobrir o que era “bolo éff” gente!!! E digo a vocês, valeu muito a pena experimentar! Ele é como um brownie só que mais cremoso, servido dentro do copo, com um delicioso merengue “brûlée”, ou seja, levemente maçaricado. Só esqueci de tirar a foto do “éff” por dentro… e ele é pequenininho tá?! Se você for uma formiguinha, não peça pra dividir!!

"Éff", do Riba, nem petit gateau, nem brownie...

“Éff”, do Riba, nem petit gateau, nem brownie…

Fiquei com vontade de voltar ao Riba. Pretendo experimentar alguns de seus outros sanduíches (vide o cardápio) e pratos que arrancavam suspiros na mesa ao lado… Além de degustar algumas cervejinhas especiais… que melhor motivação teria eu para sair de minha casa em Botafogo e caminhar 7km de Copa até o Leblon?!!

Anúncios

2 pensamentos sobre “Riba

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s