Restaurante Bouquet Garni em Gramado

Igreja Matriz de São Pedro, no centro de Gramado

Igreja de São Pedro, no centro de Gramado

Mês passado, aproveitando o feriadão de 07 de setembro, fomos eu, meu marido e meus sogros, a Gramado, na Serra Gaúcha. Um cidade pequena, com forte influência alemã e italiana. Podemos perceber isto na arquitetura das casas, na gastronomia local, na aparência física, nas vestimentas e nos valores culturais de seus moradores.

A gente se sente na Europa, não só pelo clima, mas pela educação das pessoas, pelo cuidado com as ruas e jardins e com o patrimônio cultural. Já tinha ido lá uma vez, e não hesitarei em voltar numa outra oportunidade…

Em nosso primeiro dia, temperatura super confortável na casa dos 20º, fomos conhecer o centro da cidade, incluindo a rua Coberta, a Igreja Matriz de São Pedro e toda a Avenida Borges de Medeiros, a principal, repleta de lojas, restaurantes, chocolaterias, hoteis…  Veja mais detalhes em meu post Gramado – Parte 1. Hoje vou me limitar a detalhar um pouco mais o nosso ótimo almoço no Restaurante Bouquet Garni (que aliás foi uma sugestão de uma grande amiga que conhece Gramado na palma da mão).

Ele fica na beira do Lago Joaquina Rita Bier, o que proporciona uma vista super simpática, através dos vidros do salão do restaurante. Funciona no local há mais de 10 anos e tem uma pegada contemporânea. Preza pela utilização de produtos frescos e carnes nobres. Como fomos na hora do almoço, o cardápio completo não estava disponível, mas havia um “menu confiance”, em que era possível escolher entre 5 opções, o seu prato principal. A entrada e a sobremesa eram fixas. Como nenhum de nós tinha qualquer restrição, aceitamos o menu. E para aguardarmos os pratos, nada melhor que uma boa cerveja local, a Rasen, pilsen, estupidamente gelada.

Menu do almoço do Bouquet Garni, o salão e a ótima cerveja local Raisen

Menu do almoço do Bouquet Garni, o salão e a ótima cerveja local Raisen

Meu marido e minha sogra arriscaram o lombo de cordeiro. Eu escolhi o mais leve, o linguado. Meu sogro pediu o Filet. Como podem ver no Menu acima, de entrada saboreamos uma tapenade de salmão com salada bem fresquinha, com folhas diversas e brotos. Deliciosa. Pistaches crocantes com raiz forte (wasabi) enfeitavam o prato e davam um toque original.

Tapenade de salmão

Tapenade de salmão

O cordeiro estava perfeito. Macio e saboroso. O purê de pera harmonizou perfeitamente. Meu linguado foi servido num molho de abacaxi e também estava muito bom, mas confesso que fiquei com inveja do cordeiro, hahaha. Meu sogro também gostou muito do filet, veio no ponto certo, mas os crisps de presunto de parma estavam duros demais. Foi o único defeito que conseguimos encontrar.

O linguado, à esquerda, e o carneiro, à direita, estavam excelentes!

O linguado, à esquerda, e o carneiro, à direita, estavam excelentes!

A sobremesa tava uma perfeição só. Vocês sabem que não sou fã de doces, mas estava tão bom, mas tão bom, que eu comi inteirinha :). Era uma cheesecake de chocolate branco com frutas vermelhas silvestres. Depois dessa comilança toda, pedi um chá de maçã verde, que veio acompanhado de pétalas de rosa cristalizadas… um amor!

Cheesecake de morango e um chazinho digestivo

Cheesecake de morango e um chazinho digestivo

Tive que chamar o Chef né?! Fred dos Anjos era o nome dele. Eu não poderia sair sem elogiá-lo pessoalmente. Super simpático, baiano, contador de histórias, havia morado na China, Hong Kong e Tailândia! E ele me pareceu tão novo para ter vivido tanto e já estar fazendo uma cozinha tão competente. Virei fã, kkk. Se quiserem saber mais um pouquinho sobre ele, descobri que tem um site pessoal, o freddosanjos.com.br.

Eu e o Chef Fred dos Anjos

Eu e o Chef Fred dos Anjos

Só pra complementar, queria dizer que o serviço do restaurante foi muito bom, atencioso e eficiente. O custo benefício foi excelente, principalmente comparado aos preços abusivos dos restaurantes aqui do Rio de Janeiro. Abaixo, foto que tirei em frente ao restaurante no último dia que passei em Gramado. Em breve, vou publicar outros posts aqui no blog, com diversas dicas da cidade de Gramado e de Canela, continuem acompanhando!!

Em frente ao Restaurante Bouquet Garni

Em frente ao Restaurante Bouquet Garni

Anúncios

6 pensamentos sobre “Restaurante Bouquet Garni em Gramado

  1. Lu, amei esse seu post!
    Fotos lindas dos pratos, voltei um pouco no tempo…
    Fiquei muito feliz que vc gostou tanto! 🙂
    Quem sabe ano que vem eu consiga voltar. Gramado está sempre nos meus planos! hehehe
    O Bouquet Garni é um encanto mesmo… E vc arrasou nos pratos, como sempre! 😀

    beijos!

  2. Pingback: Gramado – Parte 2 | Na mesa com Lu Hazin

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s