São Francisco – 2ª parte

Então, não dava pra ser num post só. São Francisco merece mais, rsrs.

Neste terceiro e último dia em São Francisco fomos conhecer o centro da cidade, começando pela Union Square. É perto dali que partem os famosos bondinhos que sobem e descem as ladeiras da cidade. Não quis enfrentar a fila, senão seriam 2 horas perdidas. Chegue cedo se quiser passear no bondinho!

Bondinho no centro de São Francisco, próximo à Union Square

Bondinho no centro de São Francisco, próximo à Union Square

Seguimos então pela Market Street até o Ferry Building, antigo terminal marítimo, restaurado e transformado em mercado gastronômico. Eu sabia que era dia de feira livre lá, quando diversos chefs de cozinha vão fazer compras para seus restaurantes. Há de tudo. Na parte interna do mercado, boxes diversos vendem comidas rápidas, ingredientes diversos, como cogumelos, pães especiais, massas caseiras, queijos artesanais, temperos, frutos do mar frescos, utensílios para cozinha, louças, etc. Um paraíso para gourmets e gourmands!!!!!

Farmer Market

Ferry Building Marketplace, em São Francisco

Decidimos almoçar em Chinatown, pois o Market estava bastante lotado. Fomos caminhando até a Grant Avenue, onde tem o portal de entrada para bairro chinês. Nesta rua há uma infinidade de lojinhas onde se vende de tudo. Comprei um relógio para meu filho e aproveitei para pegar uma dica de restaurante com a mocinha que me atendeu. Eu falei pra ela que queria um pato laqueado. Ela nos indicou o “Peninsula – Seafood Restaurant“, próximo dali.

Bairro de Chinatown, em São Francisco

Bairro de Chinatown, em São Francisco

O restaurante era absolutamente típico, frequentado apenas por chineses. Nem talheres existiam lá. Primeira coisa que eles servem quando você chega é um chá verde fumegante. De entrada, pedimos os rolinhos primavera. O sabor era diferente do nosso aqui no Brasil. No recheio havia cogumelos o que dava um sabor mais característico. De principal, o pato laqueado. Ele foi servido já cortado em pedaços, com pães cozidos no vapor, molho tipo teriaki e cebolinha. O problema foi comer o pato sem garfo e faca, rsrsrs. Como ele estava com osso e só tínhamos pauzinhos foi complicado!! Mas terminamos conseguindo comer o pato. E estava ótimo.

Rolinhos Primavera do Península, em Chinatown

Rolinhos Primavera do Peninsula, em Chinatown

Pato laqueado no Peninsula, em Chinatown

Pato laqueado no Peninsula, em Chinatown

Como sobremesa, resolvemos ir até a Ghirardelli, famosa chocolateria de São Francisco, experimentar o sundae, que segundo dica de um amigo, era imperdível. Eu nunca fui muito fã de sorvete não, mas como gosto de conhecer as iguarias típicas, lá fui eu… aiiiiii meu Deus!!!! E não era que o danado do sundae era simplesmente fantástico!!!! Além de lindo, delicioso. Não percam por nada neste mundo!!!

Sundae da Ghirardelli, imperdível

Sundae da Ghirardelli, imperdível

Em frente à Ghirardelli, na Market Street, em São Francisco

Em frente à Ghirardelli, na Market Street, em São Francisco

Você já leu o primeiro post que publiquei sobre São Francisco? Veja aqui.

E os outros posts sobre a Califórnia?! Veja abaixo:

Yosemite Park, Napa Valley

 

 

 

Anúncios

Um pensamento sobre “São Francisco – 2ª parte

  1. Pingback: Grand Canyon | Na mesa com Lu Hazin

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s